The best bookmaker bet365

Дървен материал от www.emsien3.com

Novidades

Out31

Destaque do Pinheiros, Ananda vibra com boa fase

Categories // Novidades

Destaque do Pinheiros, Ananda vibra com boa fase

Foto: Eugênio Vieira/Agência Classe A

 

Neste princípio de Superliga, um dos times que mais tem chamado a atenção por seus resultados é o Pinheiros. Mesmo enfrentando adversários de maior investimento, o tradicional time de São Paulo está invicto em quatro partidas.

Com um time jovem e com a base da temporada passada mantida, o segredo do Pinheiros é trabalho. E foi com muito trabalho que a levantadora Ananda, uma das contratações do time para a temporada, vem mostrando seu valor e se colocando como um dos destaques da equipe e também das estatísticas da competição.

Reserva durante a Copa São Paulo, Ananda teve sua oportunidade na estreia da Superliga diante do Barueri. Entrou no terceiro set, mudou a história do jogo e foi peça importante na virada que deu a vitória por 3 a 2 e lhe rendeu o Viva Vôlei. Desde então, ela não saiu mais do time titular e hoje é a melhor levantadora da Superliga, segundo o ranking de levantamento da CBV.

 

Ela lidera o fundamento com 24,68% de eficiência, a frente de atletas de seleção, como Fabíola, Claudinha e da campeã olímpica Fofão. Para ela, o resultado de todo esse trabalho se deve à confiança que o técnico do Pinheiros Wagão tem em todas as meninas do time.

 

"A confiança que o Wagão tem na equipe tem sido um ponto forte nosso. Ele sempre enfatiza a importância das doze jogadoras, todas tem condições de entrar e mudar a situação do jogo, e é isso que vem acontecendo", comentou Ananda.

 

Com folga na tabela da Superliga, Ananda agora se concentra com o Pinheiros no Paulista, onde buscará classificar o time para as semifinais, começando nesta sexta-feira (01/11), às 19h30, em casa, contra o Barueri.

 

"Agora temos uma sequência forte com jogos do  Paulista, estamos muito motivadas, sabemos da dificuldade e da importância de cada partida já que se trata de uma campeonato curto. Continuamos firmes nos treinamentos para conseguir manter os bons resultados, sempre com os pés no chão, a temporada é longa", ponderou.

 

 

Out30

De passagem pelo Brasil, Kwiek prestigia jogo da Superliga

Categories // Novidades

De passagem pelo Brasil, Kwiek prestigia jogo da Superliga

Foto: Divulgação/Agência Classe A

 

De folga no Brasil, o treinador da Rep. Dominicana Marcos Kwiek prestigiou nesta terça-feira (23/10) a partida entre Pinheiros e Banana Boat/Praia Clube pela Superliga.  Após a partida, Kwiek falou sobre a sua seleção e disse estar muito contente com a participação na Copa dos Campeões. 

 

“Foi muito legal receber o convite. Não foi inesperado, pois pelo regulamento, sabíamos que estávamos aptos para recebê-lo. Participamos da última em 2009. É uma competição legal, de tiro curto. Algumas jogadoras minhas já estão nos clubes, é complicado, mas tenho uma base já trabalhando em Santo Domingo e estamos a todo o vapor na preparação”.

 

 

Sobre a temporada, o treinador avaliou como positivo o primeiro ano do ciclo olímpico para 2016 e projetou os objetivos do time. “Essa foi uma temporada interessante para nós. Foi o primeiro ano do novo ciclo. Passamos quatro anos construindo uma base, nossa ideia era fazer as jogadoras crescerem individualmente e fizemos de tudo para as jogadoras saírem do país para jogar em ligas grandes e aprenderem para que elas ganhassem tecnicamente. No segundo ciclo, a ideia é começar a crescer como equipe. Temos um crescimento bom individual e agora é crescer como equipe. Então, para o primeiro ano foi bom, pois fomos terceiro em Montreux, terceiro na Yeltsin com uma equipe renovada. Jogamos bem o Grand Prix e o continental, então foi muito positivo no crescimento como equipe. É um processo lento, vai demandar mais tempo e agora temos que fazer as jogadoras encaixar no coletivo.”

 

 

Treinador também do time sub-23, Marcos disse que ficou satisfeito com o resultado no Mundial do México. “A equipe sub-23, a base é a mesma equipe campeã juvenil. Então é uma equipe com bastante experiência internacional. Isso ajudou muito e isso fez uma diferença. Nosso objetivo era classificar em primeiro do grupo, depois sabíamos que a semifinal seria um jogo difícil. A preparação não foi a ideal, pois tivemos apenas 10 dias, mas foi um torneio muito legal. A China mereceu, jogamos muito mau a final e ficamos contentes com a prata.”

 

 

Por fim, o treinador disse que além da folga, aproveita a passagem pelo Brasil para aprender mais com uma das referências do vôlei de alto nível. “Eu sempre que tenho a oportunidade quando venho ao Brasil, eu gosto de ver jogo, de ver treino, porque a referência que eu tenho de voleibol de alto nível é o Brasil. Então sempre que possível eu venho ver como estão as coisas porque o nível no Brasil é muito bom. É muito legal ver o Pinheiros jogando como equipe, sem ter nenhuma jogadora excepcional e surpreendendo. O Brasil é legal por isso, você vai para um jogo sem saber o que vai acontecer. Todos os jogos são bem disputados e para mim é sempre interessante ver jogos pois você acaba aprendendo bastante."

 

 

Out19

Amanda Martins é destaque na mídia

Categories // Novidades

Nossa oposto Amanda Martins, do Maranhão Vôlei, é capa do Globo Esporte!!! Com ela, nossa atacante Liz e a líbero Alice também são destaques da matéria.

http://globoesporte.globo.com/volei/noticia/2013/10/belas-e-simpaticas-meninas-do-maranhao-encaram-experiente-rio.html

 

 

Out17

Ananda sai do banco, ajuda Pinheiros a virar contra Barueri e sai com o VivaVôlei da partida

Categories // Novidades

Ananda sai do banco, ajuda Pinheiros a virar contra Barueri e sai com o VivaVôlei da partida

Foto: Divulgação/Agência Classe A

Depois de 20 dias sem atuar, o Pinheiros sofreu com a falta de ritmo de jogo e venceu o Barueri fora de casa apenas no tie-break, com parciais de 21-18, 21-16, 10-21, 14-21 e 12-15, nesta quarta-feira (16/10). A destaque da partida foi a levantadora Ananda, que saiu do banco para ser eleita a melhor jogadora da partida.

Com dificuldades na virada de jogo nos dois primeiros sets, a entrada de Ananda na terceira parcial foi um dos pontos fundamentais para a virada no jogo, que então estava com placar de 2 a 0 para Barueri. Tanto o treinador do Pinheiros Wagão, quanto o do adversário, Maurício Thomas, fizeram questão de destacar a participação decisiva dela no resultado.

No Pinheiros há apenas quatro meses, Ananda comemorou o prêmio de melhor jogadora da partida que recebeu. Para a levantadora, o resultado foi uma prova de que o Pinheiros tem um grupo forte. “Essa vitória se deve ao time que mostrou que tem doze jogadoras prontas para entrar. É um time muito homogêneo e temos que estar prontas para entrar em qualquer momento”.

Pessoalmente, a jogadora ficou emocionada ao lado de seus familiares estavam presentes no ginásio. Ananda espera agora criar uma interrogação na cabeça do técnico e seguir tendo novas chances de mostrar seu valor. “Para mim é uma satisfação. Sou de São Paulo, minha família está toda aqui. Na Copa São Paulo não tive muitas oportunidades porque a Macris foi muito bem e na minha primeira oportunidade eu aproveitei e sei que vou dar uma dor de cabeça para o Wagão”.

Set20

Em meio a estrelas do RJX, ponta Vini se destaca nas primeiras vitórias da equipe carioca

Categories // Novidades

Em meio a estrelas do RJX, ponta Vini se destaca nas primeiras vitórias da equipe carioca

Atual campeão da Superliga, o RJX iniciou a temporada 2013/2014 com duas vitórias, uma contra o ModaMaringá por 3 a 1 pela Superliga, e outra sobre o Flamengo, por 3 a 0, pelo campeonato Carioca.

 

Mesmo contando com destaques da seleção brasileira, quem tem chamado a atenção nos primeiros jogos é o ponta Vini. Destaque do Volta Redonda na temporada passada, o jogador, que retorna ao RJX após um ano, já começou a mostrar serviço no time, terminando a primeira rodada da Superliga como o melhor jogador no bloqueio, com aproveitamento de 50% e sendo o maior pontuador da vitória contra o Flamengo, com 15 pontos.

 

“Fiquei feliz com minha atuação individual no bloqueio. Esse é um dos fundamentos que eu tenho que melhorar mais, só que nessa partida consegui equilibrar bem e fazer uma boa marcação. Sobre o Campeonato Carioca, sabemos que o nível é bem inferior ao da Superliga e fizemos o dever de casa”, disse Vini sobre as duas primeiras partidas da temporada.

 

A equipe carioca volta a quadra neste sábado, às 18 horas, em Minas Gerais, contra o Montes Claros Vôlei. Vini espera que o time apresente neste o jogo, o mesmo que mostrou na estreia. “O time se comportou muito bem, sabíamos da dificuldade que iríamos enfrentar pela nossa falta de ritmo, mas ao longo da partida conseguimos encaixar nosso jogo. Espero que possamos fazer igual e até melhorar nosso jogo para a próxima partida”, finaliza o ponta.

 

Set17

Flavinho dá assistência, sofre pênalti e Neftchi volta a vencer

Categories // Novidades

Atuando em casa, o Neftchi se recuperou da derrota na rodada passada e venceu em grande estilo no retorno da Liga Azeri após a pausa para as eliminatórias da Copa.

 

Na última quinta-feira (12/09), o time do brasileiro Flavinho superou o Inter Baku por 3 a 1, empatando na liderança com o Qarabag.

 

Flavinho teve atuação importante no duelo, participando decisivamente de dois dos três gols do time. Aos 21 minutos do primeiro tempo, o atacante cobrou escanteio que terminou com um gol de cabeça de Carlos Cardozo (o segundo do time). Já no final da primeira etapa, ao tentar jogada dentro da área, Flavinho sofreu pênalti, cobrado e convertido por Melvin Platye, marcando 3 a 0 no placar.

 

Neftchi e Qarabag tem 13 pontos em seis jogos. Na próxima rodada, dia 22/09, o Neftchi enfrenta o Sumqayıt, fora de casa.

 

Ago20

Barueri é a nova casa das jogadoras do extinto Jacareí, Renatinha comemora

Categories // Novidades

Barueri é a nova casa das jogadoras do extinto Jacareí, Renatinha comemora

Foto: Renatinha e sua empresária Andressa Caetano

Divulgação/Agência Classe A

 

Passada a turbulência dos salários atrasados e patrocinadores fantasmas de Jacareí, a equipe que iria defender o Vale do Paraíba na Superliga Feminina está de malas prontas pra outra cidade paulista, Barueri.

 

Capitã da equipe, Renatinha orquestrou a mudança de cidade e agradeceu a confiança do secretário de esportes de Barueri, Paulo Sérgio. “Só tenho a agradecer a confiança do Paulo Sérgio, ele já foi atleta e sabe bem o que passamos. Ele e toda a prefeitura nos acolheram rápido e com a segurança que tanto precisávamos neste momento”, contou a oposto que encabeçou os trâmites de alteração de sede. 

 

A ex-jogadora da seleção brasileira foi quem levou o projeto pra Grande São Paulo. “Minha amiga há mais de 15 anos, Fátima Aquino, foi quem tinha os contatos com a prefeitura da cidade, conseguiu marcar uma reunião para que eu apresentasse o projeto. Ela é muito querida por todos e também tenho que agradecer muito essa minha amiga”, disse Renatinha. 

 

Há nove dias as negociações com Barueri começaram e em menos de uma semana a cidade conseguiu todo o aporte estrutural e financeiro para trazer essa equipe feminina. “Minha empresária, Andressa Caetano, me deu suporte no desenvolvimento do projeto e também nas negociações”, relembra Renatinha. “Além de tudo, minha felicidade é também pelos amigos que me ajudaram e saber que consegui um feito que nem eu pensava que era capaz de fazer, quem sabe já não seja um caminho pra quando aposentar as joelheiras”, brinca sorridente a jogadora natural de Birigui. 

 

Nesta terça-feira, 20/08, parte das jogadoras já se apresentam em Barueri para exames médicos. Uma nova comissão técnica está se formando com negociações avançadas, mas o nome do técnico ainda não foi revelado pelo supervisor Marcelo Palaia.

 

Além da oposto Renatinha, vice-campeã mundial com a seleção brasileira em 2006 e principal idealizadora da mudança do projeto, são mais três jogadoras da Classe A que atuarão por Barueri: a levantadora campeã olímpica em Londres 2012 Fernandinha; a líbero/ponta com passagens pelo São Bernardo e seleção juvenil Thaís Bruzza; e a ponta Cibele Barboza, ex-atleta de equipes como Pinheiros, Minas e times da Itália e do Azerbaijão.

 

Ago15

Tandara se recupera bem em Campinas e dá o recado “Quero voltar logo”

Categories // Novidades

Dispensada da seleção brasileira que disputa o Grand Prix 2013 para se tratar de uma lesão no ombro direito, a ponta/oposto Tandara tem mostrado uma ótima evolução no seu tratamento, que está sendo realizado em Campinas, junto com parte da comissão técnica do Vôlei Amil. 

 

 

Apesar de ter uma boa evolução, a jogadora ainda não acredita que estará a disposição para defender o clube na Copa São Paulo, que começou na última sexta-feira (09/08).  "Minha recuperação está melhor do que eu esperava. Mas ainda não posso dizer que jogo a Copa São Paulo, esses primeiros jogos acho que não”. 

 

Sem fazer qualquer previsão, a jogadora espera que esteja em condições para voltar a quadra em Setembro, quando começa o Paulista e a Superliga. Até lá, a jogadora vai aumentando o ritmo dos treinos gradativamente. 

 

"No Paulista creio que jogo sim. Ontem comecei a fazer encaixe de bola e não senti dor nenhuma. Estou sentindo meu ombro mais forte e mais estável, tenho mais confiança pra encaixar. Dei até alguns saques do chão", falou com entusiasmo Tandara. 

 

Trabalhando firme para se recuperar 100%, a campeã olímpica Tandara tem um recado curto, mas animador para seus novos torcedores do Vôlei Amil. "Quero voltar logo", avisou Tandara, que atuará com a camisa 16 no time de Campinas.

 

Jul17

Estruturado, Vôlei Maranhão quer o título da Liga Nacional

Categories // Novidades

No próximo dia 30 de Julho, terá início a trajetória do Vôlei Maranhão no cenário brasileiro com a estreia da equipe na Liga Nacional 2013. Em setembro, a equipe fará estreia na Superliga, marcando uma nova era no vôlei feminino do nordeste. E para fazer parte desse projeto, o técnico Chicão escolheu a dedo as atletas que tem como objetivo elevar o nome do estado a nível nacional.


Formado por uma base jovem e completado com jogadoras de grande experiência, a equipe do Vôlei Maranhão espera em seu primeiro ano já se consolidar na Superliga.


No elenco, entre as jogadoras mais novas, estão atletas com destaque nas categorias de base em seus antigos clubes e também com passagens pela seleção brasileira, como é o caso da líbero Alice


Após fazer parte do grupo da seleção juvenil em 2012 e de atuar na equipe principal do Praia Clube em algumas partidas da última Superliga, a jogadora tem boas expectativas sobre a nova equipe. “Nossa expectativa é de que possamos fazer um bom campeonato, buscando o primeiro lugar na Liga Nacional e assim fazer uma boa temporada na Superliga. Queremos desenvolver e incentivar o voleibol no Maranhão”.


Individualmente, Alice espera crescer com o trabalho da CT do Maranhão. “Essa é uma fase em que eu estou colocando em pratica as experiências que eu tive e buscando aprender cada vez mais. Espero que eu possa aprender muito nessa temporada e obter resultados cada vez mais positivos na minha carreira”.


Outra jogadora jovem que ganha uma oportunidade no time é a oposto Amanda Martins, que defendia o Uniara. A jogadora fez questão de destacar a bela estrutura do time e diz que não deixa a desejar a outras equipes de ponta. “Tudo que eles oferecem aqui é de primeira qualidade, o nível da estrutura e do projeto é muito bacana. Já joguei em várias equipes, e essa está sendo a melhor, em questão de treinamentos, alimentação, moradia, transporte, tudo muito perfeito. Não tem nada a desejar assim, estou adorando tudo”.


E para transmitir experiência as jovens jogadora, Chicão escolheu a central Ednéia, como quem chegou a trabalhar em São Caetano. Para a central, fazer parte de um novo projeto e como referência, é uma honra. “Estou feliz por participar deste novo projeto aqui no Maranhão e ele está sendo importante para muitas meninas que vão participar pela primeira vez da Superliga. Isso é uma oportunidade excelente de mostrar novos talentos e apesar de ser a mais velha, fico feliz de ter muita energia pra acompanha-las e isso me motiva mais”.


Recém chegada da Indonésia, a oposto/ponta Liz Hintemann demonstra, assim como todo o povo maranhense, ansiedade pela estreia do time na Liga Nacional. "Estão todos muito animados com o novo time e existe muita expectativa para começarem logo os jogos e ver o time em ação. Temos um grupo bacana e raçudo e acreditamos que poderemos fazer uma boa Liga. Para mim, está sendo especial porque já faziam muitos anos que eu não jogava no Brasil e também por poder conviver com as pessoas e cultura daqui, que são sensacionais!"


Completam o elenco do Maranhão, a levantadora Isabella, que irá ter a oportunidade enquanto a argentina Yael Castiglione não se apresenta, além de jogadoras como as centrais Anny Dani Suco, além da capitã Nikolle del Rio.

 

Jul08

Às vésperas da estreia na Liga dos Campeões, Flavinho intensifica os treinos com o Neftchi Baku

Categories // Novidades

Aos poucos o futebol europeu vai retomando as atividades após as férias já em preparação para as grandes competições. Treinando a cerca de duas semanas junto com o elenco do Neftchi Baku, o meia-atacante Flavinho já acerta os últimos detalhes para a estreia na temporada 2013-2014.

 

Atual campeão do Azerbaijão, o primeiro desafio do clube será a participação na segunda fase da Liga dos Campeões da Europa, onde enfrentará o campeão da Albânia, o Skënderbeu Korçë.

 

“Estamos já há duas semanas treinando e praticamente somos o mesmo time da temporada passada. Chegaram dois jogadores, o zagueiro brasileiro Carlos (ex- Vitória-BA) e mais um atacante holandês. Fizemos dois amistosos, com uma vitória e uma derrota e até o dia 17 de Julho, quando faremos nossa estreia, estaremos preparados”, disse Flavinho.

 

O atacante também salientou que o torneio europeu é o principal objetivo do clube na temporada. “Estamos bastante empolgados pra conquistar essa vaga na Champions League. É o maior objeto do Neftchi esse ano. Nós ainda vamos ver alguns vídeos dessa equipe, mas com certeza é uma boa equipe para estar brigando de igual para igual com nós pela vaga”.

 

Sobre a nova temporada, Flavinho garante que seu objetivo é seguir fazendo história no Azerbaijão. “Quero muito jogar de novo uma copa européia, que é um campeonato muito gostoso de se jogar. Quero jogar bem e fazer história aqui no Azerbaijão. Conquistar mais títulos nesse quarto ano aqui.”

Mai30

Com dores no ombro, Tandara é poupada dos primeiros jogos do Brasil em Montreux

Categories // Novidades

Campeã olímpica, a ponta Tandara tem sido uma das ausências mais sentidas pelos torcedores nos primeiros jogos da seleção brasileira, que disputa durante essa semana o Torneio Masters de Montreux, na Suíça.


A ausência da jogadora se deve a opção da comissão técnica em poupar a atleta, que sente dores no ombro devido a uma inflamação.


“A comissão técnica preferiu me poupar. Já vinha sentindo um incomodo no ombro direito. Ataquei muito na última Superliga”, brincou sorrindo Tandara com a situação.


A jogadora segue com o grupo na Suíça e está fazendo tratamento intensivo para voltar a atuar logo pela seleção. A jogadora só segue realizando normalmente os treinos de parte física e tem repouso total dos treinos com bola e com movimentos do ombro lesionado.


Tandara é uma das quatro jogadoras que estiveram na campanha do ouro olímpico em Londres convocadas nesse primeiro momento para a seleção brasileira.

 

Mai29

República Dominicana de Marcos Kwiek vence a segunda e vai às semifinais em Montreux

Categories // Novidades

A seleção da República Dominicana, treinada pelo brasileiro Marcos Kwiek, venceu nesta quarta-feira (29/05) sua segunda partida no torneio Masters de Montreux após derrotar a Alemanha por 3 sets a 1 (25-15, 21-25, 25-20 e 25-16), em 1h50 de jogo e se garantiu nas semifinais do torneio realizado na Suíça.


Após a partida, Kwiek disse que gostou mais da sua equipe nesse jogo diante das alemãs. “Foi um bom jogo, melhoramos algumas coisas sim, nosso contra ataque estava um pouco mais organizado e apesar de perder um set, mais por descuido nosso, foi um bom resultado. Hoje algumas jogadoras entraram no decorrer da partida e fizeram um bom trabalho também”, afirmou o treinador.


Classificada para as semifinais, a equipe dominicana enfrenta na última rodada da primeira fase a Itália, após um dia de folga, o que deixa o Marcos animado, por poder preparar com calma sua equipe.


“Hoje pudemos ver o jogo da Itália e Japão e agora temos o dia para poder trabalhar e organizar a equipe. Estamos fazendo nosso papel, melhorando um pouco a cada dia, essa é nossa ideia, é o inicio de trabalho, nossa primeira competição do ano e as coisas vão se ajustando aos poucos”, comentou Kwiek, que enfatiza que o principal objetivo é preparar o time para fazer uma temporada em alto nível. 


“Ainda estamos em fase de transição do trabalho físico, pois teremos uma temporada bem apertada com muito torneios, e quero que as meninas estejam em condições físicas excelentes para aguentar a temporada em alto nível.”

 

República Dominicana e Itália se enfrentam nesta sexta-feira, às 13h30, horário de Brasília.

 

Mai29

Tandara e Ellen estão na Suíça para o Montreux

Categories // Novidades

Tandara e Ellen estão na Suíça para o Montreux



A seleção brasileira estreou no torneio de Montreux dia 28/05 (terça-feira), contra as donas da casa, a Suíça, com uma vitória por 3 sets a 0.


Ellen começou a partida de titular e Tandara foi poupada pelo técnico Zé Roberto.

No dia 29 (quarta-feira), enfrenta a China e na quinta-feira (30/05), fecha a primeira fase contra a Rússia.

Mai29

Com cobrança de Flavinho, Neftchi vence a Copa do Azerbaijão nos penaltis

Categories // Novidades

Com cobrança de Flavinho, Neftchi vence a Copa do Azerbaijão nos penaltis

Nesta terça-feira (28/05), o Neftchi Baku, do atacante brasileiro Flavinho, conquistou a Copa do Azerbaijão, disputada em jogo único na capital do país.  Após o empate de 0 a 0 no tempo normal, o Neftchi venceu nos pênaltis, por 5 a 3, o Khazar Lankaran e levantou pela quinta vez a Copa do Azerbaijão. Esse foi o segundo título do time na temporada, após levantar o campeonato local na semana passada.

 

Sobre a partida, o jogador contou que o adversário veio com o intuito de se defender. “O jogo foi muito difícil, o time deles entrou com vários jogadores na defesa e nós tentamos o tempo todo o gol, tivemos algumas chances, mas não marcamos”, disse Flavinho.

 

O meia-atacante Flavinho cobrou a terceira penalidade para o Neftchi e converteu, colocando o time, naquele momento, em vantagem de 3 a 1. “Foi uma sensação muito legal, pois até hoje na minha carreira eu não tinha disputado uma final nos pênaltis. Fiquei um pouco nervoso no caminho até a marca. Estava bem ansioso, mas fui confiante para fazer o gol. Escolhi um canto bem antes e na hora fiz como tinha pensado e deu certo.”

 

De férias, Flavinho irá descansar com a família em Mato Grosso do Sul e deve voltar ao Azerbaijão no final de Junho, para mais uma temporada com o Neftchi Baku, que disputará as eliminatórias da Liga dos Campeões da Europa.

 

Online bookmaker Romenia betwin365.webs.com